Crônica: O amor...

12:43

 Tumblr_mhq22qpa891r0i9t4o1_500_large

 O amor é como uma roda-gigante. Você fica ansioso quando esta na fila para entrar. Numa hora você esta nas nuvens e na outra esta em baixo, o mesmo ciclo sempre se repetindo com aquele velho conhecido frio na barriga. Na hora de sair você esta confuso com tantas voltas, mas corre pra fila outra vez esperando reviver aquelas emoções. Ás vezes você vai na cabine com alguém e de outra vez vê aquele mesmo alguém, em outra cabine, vivendo aquelas emoções, com outra pessoa. E quando isso acontece, quando você esta lá em baixo, então a unica solução é esperar a roda girar outra vez, para poder ir paras nuvens outra vez e não vê nada mais do que aquele cenário lindo e romântico apenas querendo ser feliz e que as outras pessoas no "brinquedo" sejam também.

Posts relacionados

2 comentários

  1. Mas no final das contas TODAS essas emoções valem tanto a pena, que se não estamos amando, estamos a procura dessa loucura que nos guia pela vida, afinaal, muito do que fazemos é por amor.


    Beijokaas girls ;**

    ResponderExcluir