Crônica: Primavera Em Maio

14:50


Sabe, já estou cansando dessa rotina de vida, tenho paz em quase todas as estações do ano, mas quando cai uma gota de chuva o sorriso e o amor pelo frio já refletem em meu rosto, porém no fundo da minha mente eu me entristeço. Lembro rapidamente o que o inverno traz consigo para mim... no caso ele.

 Já faz alguns anos que é assim, é só começar a chover que eu esbarro com ele e nós dois começamos a nos entender de repente, mas é só o inverno terminar que os desentendimentos começam e no final da estação sempre um de nós começa com o coração machucado.

 Mas depois de tantos invernos aquecida pelos seus braços e gargantas inflamadas de tanto gritar um com o outro eu finalmente percebi, que tudo isso não vale à pena novamente. Por isso eu decidi que este inverno as coisas serão diferentes, sem dias olhando para o céu cinzento maravilhada com nosso romance e depois dias chorando na minha cama ou simplesmente envergonhada por o decepcionar.
  Não importa o que a mulher do jornal fale sobre o clima frio ou sobre o quanto choveu durante o mês, vou viver como se fosse primavera a cada dia.


Posts relacionados

0 comentários