Crônica: Confiar...

13:04


As palavras machucam e eu aturo isso desde sempre a vida prega peças e você fica presa a pessoas que só fazer te machucar, e nem sabem disso, você fica presa e se acomoda mas não é como se você não gostasse dessas pessoas, você gosta e esse é o problema, você gosta demais pra falar a verdade. Você ama elas demais no inicio, mas depois vem o tapa na cara final e você fica triste e com raiva aí você vê com quem anda aí você diz: ei, eu mereço melhor, mas quando você toma a decisão elas voltam a ser as pessoas de antes com as brincadeiras leves de antes. Mais um tapa na cara você não aguenta mais ai você tenta de novo, aí você tenta andar com outras pessoas, mas aí de tanto as pessoas te virem com as outas pessoas você se torna parte delas e se acomoda mais ainda quando você vê você está presa. Mas você na verdade não está presa, está com medo, medo de ficar só, medo de não poder sorrir de novo como você sorria antes, medo de viver no mundo de solidão e onde felicidade não entra. Eu canso, mas as pessoas me conquistam fácil  um riso, uma piada e pronto, me conquistou, não que eu não goste disso, eu gosto, mas o problema é: As pessoas não terem a mesma consideração por você como você por elas, não te perdoarem ta fácil como você perdoa, esquecerem de tudo bom com uma palavra ruim...

Confiar, uma coisa ridiculamente fácil, mas totalmente difícil, primeiramente porque você não sabe em quem pode confiar, desabafar  e depois, quando você sabe... Você não sabe se depois de uma briga pode de novo... A complexidade é enorme pra uma palavra tão pequena... Certo dia uma pessoa muito inteligente me disse: "Quando a fala não for o suficiente pra expressar seus sentimentos, escreva, os melhores livros, artigos, textos e filme foram escritos para desabafar, para falar algo que as palavras não permitem." Não creio que eu esteja desabafando, esse texto já era meu e antigo, mas creio que eu vi que ele estava incompleto, precisava de algo mais... Talvez eu esteja desabafando... Minha mãe me disse uma vez: "Você não pode confiar em mais ninguém, eu sou a única pessoa que vai saber de todos seus segredos e nunca vai dizer a ninguém." Na hora eu me perguntei se ela tinha ficado louca, mas depois eu refleti, será que é verdade? Será que todos que eu confiei um dia na verdade quando acontecer algo vão espalhar as coisas que eu sinto ou faço pra todos? Eu ainda não descobri a resposta... Infelizmente, confiar ainda é um mistério pra mim... 


Posts relacionados

0 comentários