#top5 Filmes brasileiros para se ver nas férias

16:20

 Bom, sei que muita gente tem um certo preconceito com coisas que vieram da nossa terra, não, nem tudo que veio do Brasil é ruim disso tiramos, filmes, desenhos, revistas, atores, atrises, bandas, cantores, estilos, entre muitos outros, então Tuane (sim, porque falar na 3ª pessoa de sí mesma é o que há), irá começar um tag #danossaterra para retirar um pouquinho desse preconceito que ainda existe nas mentes brasileiras. Confesso que já fui uma dessas mentes imbecis, mas sempre é bom abrir os horizontes ;).

5. O concurso.
Bem, vou confessar que ainda não ví esse filme, mas foi muito recomendado por amigos meus. Eu adoro o Fábio Porchat, os vídeos que ele faz no Porta dos Fundos saão incríveis. O filme conta a história do gaúcho Rogério Carlos (Fábio Porchat), o paulista Bernardinho (Rodrigo Pandolfo) e o cearense Freitas (Anderson Di Rizzi) conseguiram se dar bem em um concurso público para se tornar juiz, mas ainda falta uma última etapa, que será realizada no Rio de Janeiro. Para isso, os três viajam para a Cidade Maravilhosa e lá encontram o quarto candidato, Caio (Danton Mello), um carioca que acaba colocando todos numa tremenda enrascada por conta da ideia de conseguir o gabarito faltando menos de 48 horas para o dia D. Para isso dar certo, todos precisarão lidar com a bandidagem e um deles acaba encontrando uma antiga namoradinha (Sabrina Sato) dos tempos da juventude. Aí, a confusão só aumenta e o dia da prova está chegando.   


4. Vai que dá certo.
O filme é super divertido eu baixei e ví aqui em casa com a minha mãe. Acho que foi um dos filmes que eu mais ri até agora. A trama conta a história de cinco amigos dos velhos tempos se encontram com problemas financeiros e resolvem se reunir para praticar um golpe contra uma transportadora de valores. O plano é ótimo e Danilo (Lúcio Mauro Filho) trabalha lá já tem tudo esquematizado na cabeça. Agora, ele só precisa que Rodrigo (Danton Mello), Vaguinho (Gregório Duvivier), Amaral (Fábio Porchat) e Tonico (Felipe Abib) se concentrem nas coordenadas para faturar uma grana alta e fácil. Mas a sorte não parece estar do lado do quinteto e eles vão ter que se virar para honrar o compromisso com um "empresário do mal", que financiou o armamento do grupo. Será que eles conseguem? É quando pinta a ideia de recorrer a um outro amigo de infância, o político Paulo (Bruno Mazzeo). A confusão está armada e tem tudo para dar errado.
   

3.Minha mãe é uma peça.
 O roteiro é do lindo Paulo Gustavo, ele escreveu esse personagem baseado na mãe dele (que aparece no final do filme) e atuou no papel principal de mulher, originalmente era uma peça ~~daí o nome~~ adoraria ter visto, mas o filme em sí já foi muito bom e divertido. Dona Hermínia (Paulo Gustavo) é uma mulher de meia idade, divorciada do marido (Herson Capri), que a trocou por uma mais jovem (Ingrid Guimarães). Hiperativa, ela não larga o pé de seus filhos Marcelina e Juliano (Mariana Xavier e Rodrigo Pandolfo), sem se dar conta que eles já estão bem grandinhos. Um dia, após descobrir que eles consideram ela uma chata, resolve sair de casa sem avisar para ninguém, deixando todos, de alguma forma, preocupados com o que teria acontecido. Mal sabem eles que a mãe foi visitar a querida tia Zélia (Sueli Franco) para desabafar com ela suas tristezas do presente e recordar os bons tempos do passado.



2. Eu Não Faço a Menor Ideia do Que Eu Tô Fazendo Com a Minha Vida

O nome é grande assim mesmo gente, não se assustem, o filme vai passar nas telonas a partir do dia 20 desse mesmo mês, é com a fofa da Clarice Falcão, que virá ano que vem para esse fim de mundo que chamamos de lar *-----*. Bom. Clara (Clarice Falcão) está indecisa em relação às suas escolhas. A jovem está cursando a faculdade de Medicina por pressão familiar e não por vocação. Sem contar para ninguém o que está sentindo, ela passa a matar aulas no período da manhã. Durante essas aventuras matutinas, Clara conhece um rapaz que a ajuda a encontrar um norte para sua vida.


1.Confissões de Adolescente
Antes de falar qualquer merda vejam o trailer. A história originalmente é um livro baseado nos diários de Maria Mariana ,que esteve na série e agora vai estar no filme também, a história já esteve nos teatros, televisões brasileiras e agora estará nos cinemas também. A trama conta a história das quatro irmãs, Tina (Sophia Abrahão), Bianca (Isabella Camero), Alice (Malu Rodrigues) e Carina (Clara Tiezzi). Cada uma com seu conflito existencial. Vale a pena ver. O filme estreará nas telonas dia 10 de Janeiro. Até lá ficamos com o trailer.






Posts relacionados

0 comentários