Meus métodos para ganhar e economizar dinheiro - porque notas de cem ainda não caem do céu

21:29

Photo by rawpixel on Unsplash
 
Enquanto chove apenas água, e não caem notas de dinheiro do céu, nós precisamos nos virar de alguma forma.

A melhor justificativa para os tempos em que eu me ausento do blog é: eu estava tentando ganhar dinheiro, seja a curto ou longo prazo. Normalmente, a tentativa a longo prazo, ou seja, a minha graduação, consome bastante tempo, por isso sou obrigada a ficar distante daqui. O meu melhor recurso para conseguir dinheiro ainda é estudar bastante, porque, infelizmente, não nasci em nenhuma espécie de berço de ouro e não posso contar para sempre com a ajuda dos meus pais. Porém, também tenho tentado conseguir alguma independência agora, para aliviar minha família, e vou falar um pouco sobre isso neste post.

 Postado por Ana Letícia


Há dois meses comecei a vender empada de queijo lá na universidade. Não é permitido, mas há um comércio extenso lá dentro e nós somos o tempo inteiro convidados a consumir algum quitute dos vendedores ambulantes que transitam pelos corredores, sejam eles alunos ou não. Como a maioria das pessoas vende doces, eu resolvi vender salgados. Comecei com empada, passei para pastéis e estou até levando coxinha alguns dias. Não dá todo o dinheiro do mundo, mas o lucro é suficiente para mim. No entanto, sinceramente, essas coisas a gente só faz por necessidade mesmo, porque prazeroso não é. 

É cansativo fazer os salgados e eu preciso sempre da ajuda da minha mãe, porque sou bem lerda na cozinha (risos). Às vezes é fácil vender, basta jogar nos grupos do Whatsapp e esperar os clientes aparecerem. Mas outras vezes é bem ralado... nem sempre as pessoas recusam educadamente. Hoje mesmo passei pela situação de ser observada por uns 5 segundos, após oferecer coxinhas, com um olhar de descaso indescritível por um grupo de alunos pré-vestibular os quais visitavam o campus para a mostra de profissões. Saí de lá com o desejo de que eles jamais passassem em qualquer curso no ENEM, cheia de angústia. Um pouco cruel, eu sei, mas eles me causaram um sentimento bem ruim também. O que custa responder apenas "não, obrigada"?
Imagem relacionada

Porém, geralmente, ocorre tudo bem! Já conquistei alguns clientes fieis e há dias em que vendo tudo antes mesmo de colocar os pés para fora de casa. Dias de luta, dias de glória (como diz aquela música lá). Olhando pelo lado positivo, tenho conversado com várias pessoas por causa das vendas, e sempre tenho o prazer de experimentar meu próprio produto – controle de qualidade que chama rs.

Há maneiras melhores de fazer dinheiro, acrescento. Eu escolhi trabalhar com comida porque não tenho nenhum talento especial, e a única habilidade que eu amo é a escrita. Essa não costuma ser uma atividade com bom retorno financeiro haha sei que há modos de ganhar dinheiro escrevendo, mas nunca me aprofundei por pura insegurança, confesso. Além disso, comida nunca sai de moda. Sempre haverá um estudante faminto na universidade sedento por algum lanche bom e barato, basta convence-lo a comprar o seu produto (competindo com os outros milhares de vendedores que existem por lá).

Vender habilidades suas é sempre mais legal do que qualquer produto randômico. Conheço pessoas que trabalham com desenhos, por exemplo, e vendem quadros sob encomenda. São trabalhos belíssimos, mas que exigem certo esforço e investimento porque, como eu já disse em outra ocasião aqui no blog, material para desenho não é barato. Porém, considero a arte uma das atividades mais rentáveis para se explorar. Outros colegas meus se apresentam em bares para conseguir alguns trocados, há quem trabalhe com fotografia, alguns manjam de design... e por aí segue a lista.

Ao invés de vender o produto, é possível, também, vender a habilidade em si. Todo mundo conhece pelo menos alguém que dá aulas de violão em domicílio. É comum ser professor particular de instrumentos musicais, mas há possibilidade de se ensinar línguas, softwares e até mesmo dar aulas de reforço. Você é bom em algo? Com certeza existe alguém próximo que deseja adquirir essa mesma habilidade – e está disposto a pagar por isso. 

Outra maneira bastante eficaz de ganhar dinheiro é simplesmente poupando. Eu consigo isso de duas formas. Primeiramente, coloco todas as minhas finanças em tabelas ou em aplicativos com essa finalidade, e isso me ajuda bastante a visualizar os meus gastos para entender como tenho usado meu dinheiro. Esse controle é a dica mais básica que se pode oferecer. Em segundo lugar, eu tenho um hábito que todo mundo adora: fico atentíssima nas promoções. Faço muita pesquisa antes de comprar qualquer produto, comparo preços, fico de olho no frete (esse itemzinho ás vezes disfarça cobranças absurdas em compras pela internet)...

Um site bastante eficaz para economizar na hora das compras online é o Cupom Válido, que oferece descontos para uma infinidade de marcas. É só escolher a loja, o cupom e utilizar o código ao efetuar a compra. O próprio Cupom Válido é bem simples de utilizar e normalmente as lojas também dão orientações de como fazer uso de cupons para adquirir seus produtos. Além disso, você ainda pode receber as novidades ao se cadastrar por e-mail. Só não economiza quem não quer, hein?


Em resumo, ganhar dinheiro é ralado, mas olhar o saldo positivo na conta do banco no final do més gera um prazer tão grande que a gente esquece todos os contratempos haha seguirei vendendo salgados enquanto não consigo nenhuma bolsa ou estágio, torcendo para que meus clientes nunca consigam resistir ao cheirinho do pastel quentinho que toma os ambientes quando abro a bolsa térmica. E eu espero, também, que um dia eu tenha coragem de transformar os meus escritos em projetos maiores, para que enfim consiga colher alguns frutos desse trabalho!

Posts relacionados

0 comentários